Notícias

Voltar

Voluntários para Peditório Nacional da Liga Portuguesa Contra o Cancro

Voluntários para Peditório Nacional da Liga Portuguesa Contra o Cancro
Açores
O Núcleo Regional dos Açores (NRA) da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) informa que, entre os dias 29 de outubro e 2 de novembro, promoverá o Peditório Nacional da Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) através da colaboração de milhares de voluntários, devidamente identificados com o colete da instituição e com os habituais cofres lacrados com o símbolo da LPCC.
Este ano, a Liga Portuguesa Contra o Cancro lança a campanha de recrutamento de voluntário sob o mote “Agora é a nossa vez”, especialmente dirigida aos jovens porque, face à atual situação pandémica que vivemos, alguns voluntários, por questões de saúde ou por pertencerem a grupos de risco, não poderão estar na rua este ano para apelar aos portugueses a contribuírem para o Peditório Nacional da LPCC.
Todas as medidas de segurança, no âmbito do Estado de Contingência de Covid-19, estão acauteladas e serão disponibilizados os materiais de proteção individual a todos os colaboradores do peditório.
Os interessados em colaborar como voluntários no Peditório Nacional 2020 na região autónoma dos Açores podem aceder ao link www.ligacontracancro.pt/peditorio e preencher o formulário de inscrição, sendo posteriormente contactados pelos serviços do NRA LPCC.
Recorda-se que esta iniciativa constitui a mais importante fonte de financiamento da instituição para dar resposta aos cada vez mais frequentes pedidos de apoio que permitem à LPCC levar a cabo a sua missão.
“Todos por todos” é a frase que serve de inspiração a todos os que queiram contribuir com o seu tempo para ajudar a LPCC na sua missão de apoio ao doente oncológico e sua família.
A LPCC é uma organização da sociedade civil com vários objetivos dirigidos para a problemática da doença oncológica. A efetividade da sua ação advém, por um lado, da fundamental ação do seu Voluntariado, que intervém quer na comunidade, quer na humanização da assistência ao doente oncológico e, por outro, das contribuições recebidas através de donativos que permitem custear os aspetos materiais de apoio ao doente e o desenvolvimento das iniciativas de promoção da saúde e de prevenção da doença.
 
Por Núcleo Regional dos Açores a 17 de Setembro 2020

Voltar

Sugestões

Apoios & Parcerias