Porque quem precisa, precisa de nós!

Contribua com o seu donativo
Voltar

Adília Silva

50 anos Mama, 2010, Doente
Foi-me detetado carcinoma de mama em novembro de 2010, com cirurgia em 01/02/2011 no IPO. Após resultado patológico, verificou-se que teria que ser submetida a nova cirurgia para alargamento de margem de segurança, o que ocorreu em 02/03/2011. Aguardo novamente o resultado, estando marcada consulta para decisão do tratamento a seguir. Apesar de um processo de infeção, estou confiante que tudo não vai passar de um susto. De salientar que toda a equipa técnica do IPO (médicos, anestesistas e enfermeiros), bem como os auxiliares e voluntários, são de um empenho brioso, muito zelosos e atenciosos. De louvar todos sem exceção.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Em outubro de 2010 deixei de tomar a pílula para ter outro filhote. Passados alguns dias, no meu trabalho, que era ser operadora de ordenha, senti uma dor...SOFIA FERNANDES, 30 anos, Mama, 2011Ler mais
  • Em novembro de 2009 foi-me diagnosticado cancro da mama. O meu primeiro pensamento? Pensei que ia morrer... O mundo desabou a meus pés, depois a esperança...Vera Vilar, 30 anos, Mama, 2009Ler mais
  • Pediram-me para dar testemunho da minha caminhada, eu diria da travessia do deserto. Ao longo deste percurso experimentamos todas as transformações, quer...António Tinoco, 56 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Chamo-me Rosa, tenho 49 anos. Em agosto de 2010 foi-me diagnosticado um carcinoma invasivo da mama de grau III. Passei por 6 sessões de quimioterapia com...Rosa pereira, 49 anos, Mama, 2010Ler mais
  • A primeira vez que ouvi a palavra cancro tinha onze anos e foi quando perdi o meu pai. Estávamos em 1975 e na época o cancro era chamado de "doença...margarida ferreira, 51 anos, Mama, 2004Ler mais
  • Em agosto de 2015 recebi a noticia mais amarga da minha vida: cancro de mama. E depois de fazer biópsia descobri que era um pouco mais complicado....Maria Martins, 51 anos, Mama, 2015Ler mais
Apoios & Parcerias