Voltar

Ana

32 anos Tiróide, 2011, Doente
Por pura coincidência, descobri que tinha um carcinoma papilar na tiróide, em junho de 2010. Nunca me vou esquecer do dia, pois era o 60º aniversário do meu pai e lá aguentei toda a noite, numa festa, sem coragem para lhes dar a notícia... Decididamente, foi a parte pior, dar a notícia aos meus pais e ao meu marido (por telefone, pois tinha viajado). Felizmente, foi tudo muito rápido, nem deu tempo de pensar muito. No espaço de um mês, já tinha feito a operação e estava “nova”. No IPO descobri o que é olhar o cancro sem preconceitos e que não uma fatalidade. Toda a equipa foi absolutamente fantástica! Sei que o que passei não foi nada, comparado com tantos outros. A todos, uma vida feliz!
Voltar

Outros Testemunhos

  • Nunca perder a esperança colaborar com os médicos. Não ter medo de falar sobre a doença porque ao falar ajuda-nos a nós e a outros doentes a terem mais...Anónimo, 53 anos, Tiróide, 2010Ler mais
  • Depois de ler todos estes testemunhos, noto que (quase) todos pensamos o mesmo: “A mim não me vai acontecer nada!” Mas acontece, aconteceu e continua a...Clara Vasconcelos, 26 anos, Tiróide, 2009Ler mais
  • CANCRO...Como lidar com este "palavrão"? Como ultrapassar este obstáculo?Tenho 35 anos e algo me fez pedir exames à...Ana, 35 anos, Tiróide, 2017Ler mais
  • Em 2002, foi-me detetado um nódulo na tiroide. Fui a uma consulta de um bom cirurgião, que aconselhou a remoção do nódulo imediatamente. Na primeira...Ana Moço, 33 anos, Tiróide, 2002Ler mais
  • Olá, tenho 32 anos e no final de 2010 foi-me diagnosticado cancro da tiroide, não tive reação para esta descoberta! Quando cheguei a casa... chorei......Sandra, 32 anos, Tiróide, 2010Ler mais
  • Foi no ano de 2011. Arrasou a minha vida, fui com ela ao médico depois de uma biópsia, então pensei: "não há-de ser nada, vai correr tudo bem". Mas...PAULA PAIS, 44 anos, Tiróide, 2011Ler mais
Apoios & Parcerias