Voltar

Ana Bela de Brito

55 anos Boca/Língua, 2001, Doente
Sou uma lutadora e todos os dias agradeço a Deus a oportunidade de continuar a viver mesmo com as minhas limitações. Em 2001 fui operada pela primeira vez a um carcinoma na língua. Estive bem até 2008, ano em que fui novamente operada e novamente em 2009 e em 2010. Nestas últimas operações foi-me retirado metade do maxilar e praticamente toda a língua. Tem sido difícil falar, comer, olhar-me ao espelho, mas tenho esperança e acredito que tudo foi feito para que hoje possa estar aqui a dar-vos o meu testemunho. O cancro roubou-me muita coisa, mas não a vontade de viver, pelo que nunca deixei de sair, de ir ao cabeleireiro, de fazer compras, de estar com os meus amigos e família, de ir a um restaurante mesmo que tenha que comer só sopa passada. Vivo todos os dias sem medo e aproveito todos os momentos porque um dia irei morrer como todos os humanos e pode não ser de cancro.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Olá, antes de mais uma palavra de muita força e coragem para quem sente esta dor. Em novembro de 2011 foi detetado um carcinoma adenóide quistico ao meu...carla santos, 35 anos, Boca/Língua, 2010Ler mais
  • Chamo me Anabela Batista e tenho 27 anos e queria deixar aqui o meu testemunho, embora um pouco diferente mas também importante. Foi-me detectado com...Anabela Batista, 27 anos, Boca/Língua, 2012Ler mais
  • É fundamental a partilha de informação e de experiências! É fundamental conhecermos o nosso corpo e as suas alterações! É fundamental conhecermos os...João Fonseca, 48 anos, Boca/Língua, 1994Ler mais
  • Inicialmente foi-me diagnosticado o tumor de Warthin. Após a cirurgia para remoção completa da parótida, recebi a má notícia: carcinoma...Helder Sá, 56 anos, Boca/Língua, 2012Ler mais
  • Decidi escrever um pouco do que me vai na alma pensando que poderei estar a ajudar alguém, e, sobretudo, para homenagear desta pequena forma a grande...Liliana Silva, 25 anos, Boca/Língua, 2010Ler mais
  • Sei o quão importante são estes testemunhos na vida dos familiares e doentes oncológicos, eu própria vim várias vezes ler...Anónimo, 29 anos, Boca/Língua, 2016Ler mais
Apoios & Parcerias