Voltar

Arlindo

46 anos Pulmão, 2008, Doente
Em junho de 2008 foi-me diagnosticado um cancro no pulmão, carcinoma de pequenas células em estado 3. Para mim, foi como o mundo fosse terminar porque nem sequer dava para operar por causa da grande dimensão do tumor. Passeidias terríveis com os efeitos secundários da quimioterapia. Passados uns meses, o tumor diminuiu de tamanho e tornou-se operável, foi-me retirado o lóbulo superior direito do pulmão e fiz radioterapia, nem sequer sabia que era possível retirar uma parte dos pulmões. Já terminei os tratamentos há três anos, sinto-me de perfeita saúde. Chorei, lutei e venci. A todos os que estão a lutar contra o cancro, nunca desistam porque vale a pena viver. Agradeço a todos aqueles que, por vezes numa condição pior que a minha, me deram coragem e ânimo para seguir em frente (...).
Voltar

Outros Testemunhos

  • Estive hesitante em deixar o meu testemunho, mas assim poderei dar força e coragem a outras pessoas.Foi diagnosticado cancro do pulmão ao meu marido,...Ana Marques, 32 anos, Pulmão, 2014Ler mais
  • Neste ano de 2012, foi diagnosticado ao meu pai cancro no pulmão com metástases na cabeça. Estava a trabalhar no Algarve quando o meu pai começou a...Sandra Félix, 30 anos, Pulmão, 2012Ler mais
  • A 5 de setembro fui diagnosticada com um adenocarcinoma pulmonar. Poucos dias depois, no IPO, informaram-me que era já numa fase avançada e inoperável....Cristina Alves, 48 anos, Pulmão, 2012Ler mais
  • Quando o meu marido me disse que tinha um tumor no pulmão senti o mundo a desabar. A vida continuava lá fora, da nossa casa, da nossa família, mas já...Ana Antunes, 46 anos, Pulmão, 2007Ler mais
  • Vou deixar aqui mais um testemunho, a mim já não me ajuda mas pode ajudar alguém já que enquanto a minha mãe estava...André, 25 anos, Pulmão, 2016Ler mais
  • De muito novo lidei com esta doença cobarde! Não diretamente, mas em 2003 foi diagnosticado um cancro no pulmão à minha mãe. Todo o processo de...Renato Graça, 27 anos, Pulmão, 2003Ler mais
Apoios & Parcerias