Voltar

Carla Silva

38 anos Mama, 2011, Doente
Foi no dia 23 de fevereiro que, após uma mamografia e ecografia mamária, fui confrontada com esta doença. No início fiquei sem reação. Depois veio o sentimento de revolta, de impotência. Porquê eu? Como contar ao meu filho de 10 anos? Como contar à minha mãe, que em 2006 já tinha perdido um filho com cancro no pâncreas (o meu irmão mais velho)? O meu marido foi e tem sido o meu maior suporte e se para mim foi um choque, para ele não foi menos, pois quando tinha 7 anos perdeu a mãe com esta doença que também atingiu e matou mais duas tias. Fiz a cirurgia e retirei uma parte do peito, fiz seis sessões de quimioterapia e trinta de radioterapia. Esperam-me 5 longos anos pela frente. Custou muito, passei muito mal com a quimioterapia, chorei desconsoladamente quando perdi o cabelo, as sobrancelhas e as pestanas. Mas estou cá! Sobrevivi! Se tive medo? Sim, muito! Ódio? Claro! Mas eu não o pedi, não o quis e expulsei-o da minha vida! É o que devemos fazer. Nunca desanimar!
Voltar

Outros Testemunhos

  • No dia 9 de março de 2012 foi-me diagnosticado um cancro da mama. Nesse dia parecia que tinha chegado o fim de tudo, que tinha chegado a minha hora mas tal...Vera Pedro, 34 anos, Mama, 2012Ler mais
  • Corria o ano de 2010. Era um ano de novas esperanças, com o nascimento de uma nova neta. As forças já tinham sido retemperadas com o usufruto de...Marco Santos, 59 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Sou uma mulher de entre tantas que, de um momento para o outro, sentiram a sua vida virada do avesso ao ser-me diagnosticado um cancro na mama. Tinha 39...Ana Costa, 45 anos, Mama, 2005Ler mais
  • Em janeiro de 2005 apercebi-me de um inchaço na mama esquerda, consultei o médico (…). Fiz anti-inflamatórios, antibióticos, mas nada, até que...Sandra Santos, 43 anos, Mama, 2005Ler mais
  • Quando estamos perante o diagnóstico de cancro, em nós ou nos nossos entes queridos, tudo à nossa volta parece desmoronar-se e subitamente sentimo-nos...Maria, 55 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Faz esta semana um ano que recebi uma das piores notícias da vida: tinha cancro de mama. Foi um turbilhão de emoções, de perguntas, enfim, muita coisa....Teresa Porto, 29 anos, Mama, 2011Ler mais
Apoios & Parcerias