Voltar

Ediléia Marcão

33 anos Linfoma Não Hodgkin, 2008, Amigo
Hoje vivo uma vida normal: tenho 33 anos, estou na faculdade, trabalho e tenho três maravilhosos filhos. Mas, em 2008 (na época tinha 24 anos), descobri um linfoma no timo. Fiz todos os tratamentos de quimioterapia e quando estava a fazer radioterapia descobri uma gestação de gémeos. Hoje o meu filho Davi tem 7 anos. Infelizmente acabei por perder o outro para Deus que me socorre todos os dias, mas posso dizer que não tenho mais vestígios da doença. Nove anos depois ainda tenho mais uma flor com que Deus me abençoou, a Maria. Tenho uma fé inabalável e por isso deixo o seguinte lema: FOCO, FÉ e FORÇA .
 
Voltar

Outros Testemunhos

  • Página em branco, vazia de emoções. À nossa volta ouvimos histórias, vemos casos mas estão à distância de um instante que nos coloca a salvo de...Teresa Viegas, 35 anos, Linfoma Não Hodgkin, 2015Ler mais
  • Há 30 anos venci um cancro que estava alojado na nasofaringe. (…)Consegui vencer o cancro e vou gerindo os efeitos colaterais da...Eugenia Lopes, 49 anos, Linfoma Não Hodgkin, 1989Ler mais
  • Olá a todos... Lia os testemunhos anteriores e revia a minha história. Não importa que tipo de cancro é ou que diagnostico tem, a dor e forma de lutar,...sofia, 30 anos, Linfoma Não Hodgkin, 2010Ler mais
  • Venho aqui deixar o meu testemunho enquanto doente: a nossa primeira reação quando recebemos a notícia é de incredulidade. Só pensamos que não nos...Nuno Paisana, 38 anos, Linfoma Não Hodgkin, 2003Ler mais
  • Sou filha de uma doente oncológica, desde 1984, tinha eu 9 anos e a minha irmã 6, quando vimos a nossa mãe doente e ser encaminhada...Manuela Martins, 45 anos, Linfoma Não Hodgkin, 1984Ler mais
  • Só quem vive na pele sabe o sofrimento, a dor, o crescimento e a transformação.Ter o diagnostico de um linfoma este ano fez-me...Claudia Matos, 44 anos, Linfoma Não Hodgkin, 2019Ler mais
Apoios & Parcerias