Voltar

Fernanda Maria Simões

46 anos Mama, 2005, Doente
(...) Estava envolvida num projecto profissional intenso em Lisboa, faltava-me tempo para parar e pensar... Mas estava muito assustada com o nódulo no peito que tinha crescido nos últimos dias e decidi finalmente ir ver o médico de família, com a convicção reforçada de que tinha chegado a hora de fazer a 1ª mamografia aos 40 anos! O médico de família, sentiu o nódulo e reparou no mamilo ligeiramente encovado, diferente do outro, da mama direita. Com um ar preocupado e grave, deu-me uma requisição para a mamografia (...) O médico disse-me que tinha que prosseguir a minha vida como todas as outras. Que o percurso dos tratamentos era longo e penoso, mas tinha que ser forte e acreditar na cura. Disse-me também que devia contar muito com a ajuda da família e amigos e que tinha que começar imediatamente os tratamentos... (...) Estamos condenados a viver o bom e o amor intensamente, mas expostos igualmente a exaltados sacrifícios? (...) Com esta doença, busco a sageza de quem sabe esperar por melhores momentos, para acolher o que o acaso me consagra.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Quando estamos perante o diagnóstico de cancro, em nós ou nos nossos entes queridos, tudo à nossa volta parece desmoronar-se e subitamente sentimo-nos...Maria, 55 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Chamo-me Rosa, tenho 49 anos. Em agosto de 2010 foi-me diagnosticado um carcinoma invasivo da mama de grau III. Passei por 6 sessões de quimioterapia com...Rosa pereira, 49 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Foi graças a esta Instituição que hoje estou viva. Em 2006 fui chamada para o rastreio e foi-me detetado um nódulo, mas esse foi só tirar e felizmente...Beatiz xavier, 50 anos, Mama, 2007Ler mais
  • Neste meu testemunho não é minha intenção descrever os medos, as angústias, os receios ou o desânimo que por vezes teimam em nos perseguir. Tenho por...Maria Peixoto, 37 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Fui mãe recentemente, um bebé muito desejado por mim e pelo meu marido. Eu tinha uma má formação nos órgãos femininos que me colocava alguns entraves...Isabel Patricia, 29 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Olá companheiros de guerra, o meu primeiro cancro de mama apareceu aos 23 anos, foi detectado precocemente, retiraram-me o nódulo, fizeram-me o...Andrea Gomes, 34 anos, Mama, 2001Ler mais
Apoios & Parcerias