Voltar

Joana Rocha

18 anos Mama, 2012, Familiar
Corria o mês de Julho, quando a minha mãe foi solicitada para realizar o rastreio do cancro da mama. Ao princípio recusou, na verdade, nunca gostou de médicos e achava que seria uma perda de tempo. Felizmente, as colegas de trabalho convenceram-na e ela lá foi. Passado uns dias ligaram-lhe, teria de ir realizar mais exames pois teria sido descoberto um nódulo suspeito no peito. Realizou-se os exames e infelizmente o diagnóstico foi aquele para o qual nunca estamos preparados: cancro da mama. Em Outubro de 2012, iniciou os tratamentos de quimioterapia, falta apenas um e depois será operada. Seguido da operação ainda não se sabe, mas provavelmente irá fazer mais tratamentos. Foi e tem sido muito difícil, temos passado momentos complicados mas eu acredito que Deus nos vais ajudar nesta fase. Ela é uma mulher forte e tem pessoas que a amam e que nunca a vão desamparar. É o meu orgulho. A todos os que passam por esta doença, fica aqui os votos de força e coragem. Vençam a doença, antes que ela vos vença a vocês. À Liga Portuguesa Contra o Cancro, muito obrigada.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Em 2005 foi-me diagnosticado um cancro de mama, o que mais me custou foi o fato de ter duas filhas: uma de seis e a mais nova ainda não tinha dois anos....Sandra Santos, 42 anos, Mama, 2005Ler mais
  • É verdadeiramente assustador receber a noticia de que temos cancro.O mundo pára. Por momentos perdi a noção real das coisas....Maria Neves, 58 anos, Mama, 2019Ler mais
  • Era uma vez... E como todas as histórias, a minha poderia começar assim, como as tradicionais! Sim, dado que amava de paixão iniciar o dia com “Era uma...Maria Macedo, 53 anos, Mama, 2005Ler mais
  • Olá a todas as mulheres e até homens que possam estar a sofrer desta doença. A mim foi-me diagnosticado em setembro de 2009, a princípio não era nada....Lina Garcia, 35 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Tenho cancro da mama, diagnosticado há cerca de um ano. Acho muito importante a partilha de experiências, pois muitas das vezes aqueles que nunca viveram...Isa, 46 anos, Mama, 2011Ler mais
  • Sete de janeiro de 2010, dez horas e trinta e nove, faz exatamente um ano hoje, em que eu estava numa sala (batizei a minha sala de spa) a fazer a minha...ISABEL CARDINAL, 38 anos, Mama, 2009Ler mais
Apoios & Parcerias