Voltar

Maria Góis

38 anos Pulmão, 2010, Doente
A 9 de março de 2010 foi-me comunicado que sofria de uma neoplasia do pulmão - carcinoma de pequenas células, estadio IV, metastizado na pele, inoperável. Iniciei ciclo de quimioterapia a 12 de março e foi terrível. Os sintomas... houve dias (poucos) em que queria que tudo terminasse. Mas nós vamos buscar forças não sei bem onde e hoje a doença está controlada. Mensalmente faço quimioterapia oral como prevenção. Aprendo todos os dias a viver com o cancro. Aprendo que é possível conviver com ele. Um dia de cada vez, semana após semana. Lamento ter sido “obrigada” a desistir de trabalhar, lamento não poder vir a ter filhos, lamento acima de tudo ter feito as pessoas que amo passarem por isto. Mas sem elas não teria conseguido chegar aqui, nem teria a atitude e a força necessária para enfrentar cada dia com a certeza de que não será o último. Amanhã faz 1 ano e continuo aqui. Força a todos os que estão a passar por semelhante situação e aos seus familiares e amigos. Não é uma luta individual. Precisamos de todos. Força.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Recomeçar não é mais que isso mesmo - voltar a começar. Voltar a começar algo que deixou de ter continuidade, que ficou perdido ou que deixou de fazer...Ana Antunes, 48 anos, Pulmão, 2006Ler mais
  • Foi-me diagnosticado um tumor no pulmão esquerdo em julho de 2009. Foi-me dito que apenas se poderia fazer tratamento, pois a cirurgia era inviável devido...Augusto Lourenço, 70 anos, Pulmão, 2009Ler mais
  • Quando o meu marido me disse que tinha um tumor no pulmão senti o mundo a desabar. A vida continuava lá fora, da nossa casa, da nossa família, mas já...Ana Antunes, 46 anos, Pulmão, 2007Ler mais
  • Já tinha pensado deixar aqui o meu testemunho quando este caminho começou, mas achava que ainda estava tudo no início para poder fazer a diferença. Não...Vanda Santos, 23 anos, Pulmão, 2011Ler mais
  • No dia 19 de junho de 2019, às 6 da manhã, depois de 2 semanas a ir ao hospital quase todos os dias e me dizerem que ela tinha eram...Isa Antunes, 26 anos, Pulmão, 2019Ler mais
  • Em 2006, a minha filha, então com 31 anos, teve linfoma de Hodgkin. Apareceu-lhe um gânglio no pescoço e, a princípio, pensava-se que seria cancro da...Branca santos, 56 anos, Pulmão, 2010Ler mais
Apoios & Parcerias