Voltar

Maria Teresa Santos Serrano

53 anos Pulmão, 2005, Doente
Sou uma doente oncológica desde 2005, ano em que me foi diagnosticado cancro do pulmão. Fui operada e fiz tratamentos de quimioterapia. Em julho de 2010 tive uma metástase numa supra-renal e voltei a ser operada e a fazer quimioterapia. Já regressei ao trabalho e continuo a ser uma otimista, a apreciar a vida e a agradecer todos os dias pela sorte que tive, apesar da doença. Por incrível que pareça, desde que tive o cancro vejo a vida duma forma diferente, sou mais alegre e aprecio mais as pequenas coisas da vida. Gostaria de dizer a toda a gente que a prevenção não custa nada e pode salvar muitas vidas. Foi o meu caso. Aos que ainda estão doentes, tenham coragem, sejam otimistas, tenham muita fé e vivam a vida como se fossem saudáveis. As melhoras!
Voltar

Outros Testemunhos

  • Passaram três anos desde que o meu marido partiu. Já vivi 1114 dias sem a sua presença física. Foram dias muito duros. Foram dias em que mostrei uma...Ana Antunes, 47 anos, Pulmão, 2006Ler mais
  • Neste ano de 2012, foi diagnosticado ao meu pai cancro no pulmão com metástases na cabeça. Estava a trabalhar no Algarve quando o meu pai começou a...Sandra Félix, 30 anos, Pulmão, 2012Ler mais
  • Em Janeiro de 2016, foi diagnosticado cancro de Pulmão ao meu Pai, com "ramificações" na cabeça e fémur. Os...Mónica Fernandes, 36 anos, Pulmão, 2016Ler mais
  • De muito novo lidei com esta doença cobarde! Não diretamente, mas em 2003 foi diagnosticado um cancro no pulmão à minha mãe. Todo o processo de...Renato Graça, 27 anos, Pulmão, 2003Ler mais
  • Foi nos princípios de 2011 que fiz um TAC abdominal porque tenho diabetes, para ver como estavam os rins e outros órgãos. Foi com surpresa que apareceu a...José Alves, 67 anos, Pulmão, 2011Ler mais
  • Em junho de 2008 foi-me diagnosticado um cancro no pulmão, carcinoma de pequenas células em estado 3. Para mim, foi como o mundo fosse terminar porque nem...Arlindo, 46 anos, Pulmão, 2008Ler mais
Apoios & Parcerias