Voltar

Sara Raquel

23 anos Colo-Rectal (Intestino), 2007, Familiar
Foi algures em meados de junho ou julho que descobrimos. Lembro-me que íamos preparar as coisas para a mudança de habitação na semana seguinte, quando aconteceu o inesperado: a urina do meu pai apresentava-se cor de sangue. A semana seguinte pareceu durar anos, décadas. Operaram-no, apenas o abriram e fecharam, não podiam ter feito nada mais do que isso.Decidimos pedir ajuda a um médico conhecido para encaminhar o caso do meu pai para o IPO, já que achávamos que iria ser melhor cuidado. Nesse hospital, deram-lhe um mês de vida, com sorte.Após esse prognóstico, o meu pai ainda viveu vários internamentos, análises, consultas médicas, momentos e memórias que ficaram.O meu pai, graças à competência do IPO e de uma medicina alternativa, conseguiu viver até 20 de outubro de 2008. Infelizmente, o seu cancro poderia ter sido detetado mais cedo numa colonoscopia, que fez uns meses antes dos primeiros sintomas. Não descurem os exames de prevenção e de rotina, façam-nos em sítios de confiança e confiem na LPCC e no IPO para cuidar dos vossos familiares que infelizmente padeçam de doenças oncológicas. Eles são especializados nesse ramo estão em boas mãos.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Sou doente oncológica. Em maio de 2011 numa colonoscopia de rotina foi-me diagnosticado um tumor maligno no ângulo hepático do intestino grosso....Anónimo, 54 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2011Ler mais
  • Fui ao médico por causa de uma constipação no dia 27 de Outubro de 2008 e duas horas depois foi-me confirmado cancro colorretal. Não tinha sintomas e...Anónimo, 55 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2008Ler mais
  • A 3 de janeiro de 2006, depois de ter acordado de uma endoscopia alta e toque rectal, a que fui submetida, na sequência de várias dores e comportamentos...Manuela Amaral, 58 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2006Ler mais
  • O fim do mundo para mim aconteceu no dia 26 de Abril de 2008... Foi diagnosticado à minha mãe uma neoplasia primária oculta com metastização...Andreia Rocha, 31 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2008Ler mais
  • Em setembro de 2009 foi-me diagnosticado cancro no intestino, depois de muitos dias de internamento no hospital (...). Em novembro do mesmo ano fui...Celina Rodrigues, 53 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2009Ler mais
  • O meu Pai (Comandante reformado da Marinha) era um jovem de 63 anos muito bem disposto, divertido, gostava de aproveitar a vida, fazia desporto, passeava os...Frederica Lima, 26 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2012Ler mais
Apoios & Parcerias