Voltar

simone nunes

27 anos Mama, 1999, Familiar
Olá! Venho contar a história da minha mãe, que é a pessoa mais corajosa que eu conheço. Eu tinha 15 anos e a minha irmã 10 ou 11 anos, quando a minha mãe nos contou que tinha cancro da mama e em parte do sistema linfático. Confesso que foi um choque para mim, a minha irmã acho que não percebeu bem o que se estava a passar. Foi complicado ver todo o processo de cura, talvez devido à idade... Mas a minha mãe foi em frente, fez radioterapia, fez um ano de quimioterapia, passou por tudo, ficou careca, tirou o peito, mas nunca perdeu a esperança. Algum tempo depois de estar curada (2 ou 3 anos), foi à consulta para fazer a reconstrução mamária, teve que engordar na barriga, para o músculo da mesma ser puxado para o peito para criar a mama. Não podia colocar silicone devido ao tempo que fez de quimioterapia. Atualmente tenho 27 anos e a minha mãe já tem o peito e o mamilo, só falta tatuar o mesmo para dar cor. Atualmente, a minha mãe soube que tem cancro na bexiga, vai ter de tirar a bexiga, já sabe como vai ser tratada, mas eu sei que vai vencer; ela tem bastante força e felizmente tem acesso a muita informação. Não se pode dizer que seja uma situação fácil, pois passa-se por muito, dias bons, dias menos bons. Mas o segredo é não desanimar, não se deixar ir abaixo e nunca pensar que está tudo acabado. Grande parte das doenças de cancro têm cura, mas não é só a medicina que tem a cura, a pessoa também, o modo de reação da pessoa, a luta da mesma contra a doença acabam também por ajudar na cura, foi isso também que ajudou a minha mãe; a fé, uma enorme vontade de viver e cuidar das filhas. Neste momento o que a move é a fé, a vontade de viver e de cuidar dos futuros netos... Enquanto há vida, há esperança... Acreditem que eu sei do que falo.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Em junho de 1991, depois de uma mamografia, por causa de um pequeno “altinho” na parte inferior da mama esquerda, que teimava em não desaparecer, li no...Gabriela, 57 anos, Mama, 1991Ler mais
  • Em 2006, quando eu tinha 12 anos, a minha mãe deu-me a notícia de que tinha cancro da mama. Eu só soube trancar-me no quarto a chorar, chorei muito....Daniela Pereira, 19 anos, Mama, 2006Ler mais
  • Em julho de 2006, tinha eu 20 anos, o meu mundo tremeu. No dia em que a minha mãe fez uma mamografia, soube-se que tinha cancro da mama. Entretanto, em...Diana Damião, 27 anos, Mama, 2006Ler mais
  • Deixo aqui muita força a todos aqueles que estão a passar por esta experiência.anabela franco, 54 anos, Mama, 2009Ler mais
  • Olá! Sei que não estou só, sou uma de muitas... é espantosa a solidariedade entre as mulheres com cancro de mama! Quero aqui dizer que enfrentei o meu...Maria, 45 anos, Mama, 2010Ler mais
  • Em janeiro de 2008, eu e a minha mulher estávamos super felizes. Descobrimos que ela estava grávida do nosso segundo filho. Tínhamos tido o primeiro em...hugo santos, 29 anos, Mama, 2008Ler mais
Apoios & Parcerias