Porque quem precisa, precisa de nós!

Contribua com o seu donativo
Voltar

Susana Oliveira

43 anos Colo-Rectal (Intestino), 2013, Familiar
Em 2013 foi diagnosticado cancro nos intestinos ao meu pai... Foi tudo tão repentino e apareceu como que do nada. Durante algum tempo nem a palavra cancro conseguia pronunciar... Mas lá encaramos a doença de frente e acompanhamos o nosso pai até ao fim...
Nem um ano durou, mas tentou vencer a doença, foi um valente... O meu desejo é que todas as pessoas com cancro tenham um suporte familiar que as ajude a enfrentar a doença e lhes dê segurança e força para vencer.
Para os doentes oncológicos e para os seus familiares muita força, fé e esperança.
Bem hajam.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Foi diagnosticado um cancro ao meu companheiro. Os médicos aconselharam que fosse operado o mais rápido possível. Tratámos de tudo para que a...Ana S, 41 anos, Colo-Rectal (Intestino)Ler mais
  • Foi-me diagnosticado um adenocarcinoma no colón, no dia 1 de setembro de 2008, tinha 28 anos! Fiquei em estado de choque, nós pensamos sempre que acontece...Mafalda, 30 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2008Ler mais
  • A 3 de janeiro de 2006, depois de ter acordado de uma endoscopia alta e toque rectal, a que fui submetida, na sequência de várias dores e comportamentos...Manuela Amaral, 58 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2006Ler mais
  • Em maio de 2011, o mundo caiu em cima da minha cabeça, os meus pés ficaram sem chão, foi diagnosticado um cancro colo-rectal à minha mãe, com...Lara, 40 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2011Ler mais
  • Olá, tive cancro do cólon em 2007. Como era muito próximo do reto, tiveram que me fechar o intestino. Neste momento tenho um estoma definitivo. Quando o...maria nogueira, 37 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2007Ler mais
  • Em Novembro e 2016 foi diagnosticado cancro à minha mãe. Posso dizer que foi sem dúvida o pior dia da minha vida, o mundo desabou,...Vânia, 23 anos, Colo-Rectal (Intestino), 2016Ler mais
Apoios & Parcerias