Voltar

Carolina Silva

18 anos Ovário, 2015, Doente
Recordo como se tivesse sido ontem, cada lágrima derramada, cada sorriso forçado, cada dor sentida.
Vivi o maior pesadelo, senti-me perdida e achei que fosse o fim.
Foram meses de luta, muitas batalhas vencidas. Dias e dias sempre com um brilho no olhar, a esperança de o dia de amanhã ser melhor que o de hoje.
Mil e um pensamentos, todos eles meio incertos. Senti-me sozinha e, no meio do nada ouvi algumas vozes. Gritaram pelo meu nome. Pediram-me coragem e força. Levantei-me, olhei à minha volta e sorri.
Eu consegui. Ultrapassei o meu maior medo. Muitas mágoas ficaram, mas estou aqui.
O ontem não volta e o amanhã não espera. Tenho muita sorte.
Voltar

Outros Testemunhos

  • Ola, o meu nome é Andrea e no início do ano de 2008 a minha barriga começou a crescer... Achei muito estranho porque fazia uma alimentação saudável e...Andrea Rocha, 28 anos, Ovário, 2009Ler mais
  • Tive cancro do ovário há 18 anos. Tinha acabado de fazer 40 anos quando, por mero acaso, me foi detetado um tumor no ovário esquerdo (não tive um único...Maria Sobral, 58 anos, Ovário, 1995Ler mais
  • Olá boa tarde, o meu nome é Sofia. Fui diagnosticada com um adenocarcinoma do ovário, aos 39 anos,grau 3b+,hoje tenho 50 anos e...Maria Carriço, 50 anos, Ovário, 2009Ler mais
  • Em abril de 2004 tive uma filha, de cesariana, estava tudo bem. Em outubro de 2006 fiz o papanicolau e deu negativo, mas o meu médico do centro de saúde,...Christina Luzes, 47 anos, Ovário, 2007Ler mais
  • Olá, boa tarde. O meu nome é Paula e à 20 anos lutei contra um cancro no ovário direito, após a remoção do...Paula Freire, 38 anos, Ovário, 1999Ler mais
  • Foi detetado há um ano carcinomatose peritoneal à minha mãe, o cancro primário era no ovário e depois passou para o peritoneu, ficando com uma barriga...sérgio souto, 29 anos, Ovário, 2011Ler mais
Apoios & Parcerias